14 de MARÇO 2011

O poder da palavra

A palavra tem muito mais poder do que, usualmente, se imagina. Ela denomina, define, qualifica, informa, atribui e oficializa significados. Ela revela, ao mesmo tempo em que pode encobrir… Esse tema será abordado sob três principais vértices:

1.     A escolha do nome, as relações com o bebê idealizado e os destinos do herdeiro – Gabriela Filipouski, psicóloga; sócia efetiva, coordenadora do Comitê de Bebês e Núcleo dos Estudantes da SPRGS – editora do SP Informativo da SPRGS – especialista em Psicoterapia Psicanalítica da Infância e Da Adolescência (UFRGS) – mestranda em Pediatria (FAMED-UFRGS).

2.    A atribuição de significados – Mary Georgina Boeira da Silva, psicóloga; psicanalista; sócia efetiva e membro do CCDF da SPRGS; ex-presidente da SPRGS; diretora do Depto. Científico do Instituto Bion

3.    Duplos-vínculos ou duplas-mensagens: quando a linguagem aprisiona e enlouquece – Marli Sattler, psicóloga; sócia jubilada da SPRGS; psicoterapeuta individual, de casais e de famílias; sócia, docente e supervisora do Domus.

MAIORES INFORMAÇÕES PELO FONE (51) 3331.0536 (SPRGS), (51) 9901.3501,
OU PELOS SITES WWW.SPRGS.ORG.BR E WWW.IARACAMARATTA.COM.BR